Douro Granfondo

diploma douro granfondo 2019

Ambiente de festa, um dia de Verão, um percurso lindíssimo e uma organização a condizer! Os ingredientes perfeitos para um excelente dia de ciclismo, no Douro Granfondo 2019.

164.7 Km | 3421d+ | 5h59m3s | 27.1 Km/h | 96º Geral | 42º Masters A

TSS: 363 | NP: 215W | IF: 0.78 | AvgPower: 180W | AvgHR: 143bpm

Quanto à prestação, não podia estar mais satisfeito. Consegui gerir muito bem o esforço, a alimentação e a hidratação durante toda a prova, o que me permitiu manter uma prestação bastante uniforme, sem quebras, ao longo dos quase 165 km de prova.

Nas subidas consegui sempre impor um bom ritmo, sempre dentro daquilo que sabia que conseguia aguentar. Aqui a ajuda do medidor de potência foi fundamental 
Nas subidas consegui sempre ganhar bastantes lugares, mas que acabava sempre por os perder em descida.

As descidas continuam a ser a minha principal fragilidade. Neste caso tudo aquilo que conseguia ganhar em subida perdia rapidamente quando entravamos nas descidas. E sendo estas descidas bastante longas, pior ainda. Já diz o ditado, “quem nasceu para lagartixa nunca chega a jacaré”. Já sabia que neste aspecto esta prova não me favorecia, tentei fazer o melhor possível para minimizar as perdas.

Em resumo, consegui subir 51 lugares na classificação geral em relação ao Douro Granfondo do ano passado.
Apesar do percurso deste ano ser mais longo em 10 kms, consegui finalmente fazer um tempo final abaixo das 6h, o que já tentava desde 2017.
Não só a velocidade média melhorou, mas também os valores de Potência Média e de Potência Normalizada melhoraram bastante em relação ao ano passado.
Depois do Montemuro Granfondo, mais uma prova que deixou bons indicadores e que confirma que o treino está a ser bem feito e a dar resultados!

A próxima prova será o, Lousã Granfondo, a 19 de Maio.

Siga-nos nas Redes Sociais:
error

Artigos recentes

One Comment

Deixe uma resposta